“Sucesso não tem nada a ver com dinheiro, e sim com ser feliz”

Confira as dicas de autoconhecimento e conexão interior da empreendedora Patricia Meirelles, dentro do Resilientes Summit, para superar a crise neste momento de pandemia de coronavírus

POR TARCISIO ALVES
JORNALISTA E COPYWRITER

Patricia Meirelles é formada em relações pú­blicas e pós-graduada em administração de empresas e em motivação e liderança. É criadora e apresentadora do canal Patricia Meirelles TV, no YouTube. Semanalmente, dá dicas de em­preendedorismo, negócios e comunicação para mais de 120 mil pessoas interessadas nesses temas.

É também fundadora do LIDE FUTURO (grupo de jovens empreendedores) e diretora do CAF (Comitê Acelera FIESP), além de ser membro do conselho de di­versas instituições, como o Instituto Gerando Falcões, o Instituto Rodrigo Mendes e o Instituto Ayrton Senna. É mentora da Fundação Estudar e da Acceleratus, e faz parte do Grupo Mulheres do Brasil e do Instituto Êxito, presidido por Janguiê Diniz.

Na noite desta segunda-feira, 23/3, ela foi convidada pelo empreendedor digital e CEO da Be Academy, Bruno Pinheiro, para participar da Maratona da Reinvenção do Resilientes Summit, explicando como utilizar tecnologias para reinventar seu modelo de negócio.

Porém, como ela mesma diz no livro A Arte da Conexão: Aumente seu networking e crie vínculos verdadeiros, para além de todas as conexões possíveis hoje no meio digital, o mais importante é buscar uma conexão interior, genuína, com as pessoas. “As palavras de alguém mentem, mas a energia nunca mente”, defendeu ela.

Foi assim que, em seu canal, Patricia conseguiu se aproximar de grandes empreendedores e líderes mundiais, como o empresário Jorge Paulo Lemann e o investidor Warren Buffett, e fazer entrevistas exclusivas com eles. Ela foi, inclusive, uma das responsáveis pela conexão entre o ex-jogador de futebol Pelé e o ex-presidente americano Barack Obama.

“Para mim, a primeira coisa é a gente ser verdadeiro, autêntico, porque eu acredito que a conexão poderosa começa de dentro”, reforçou, acrescentando que “a inteligência do coração é 5 mil vezes mais forte, magneticamente, que o cérebro”. “Sempre trabalhei a intuição, a energia interna, porque eu acho que ela não mente.”

Meditação: uma prática necessária em meio ao pânico

Bruno Pinheiro ponderou que esse momento de pandemia do coronavírus vai mexer muito com as nossas energias “O que as pessoas podem fazer para equilibrar um pouco a energia nesse momento?”, perguntou ele. “Respira, tenta ficar calmo. A gente ficar difundido só pânico não vai resolver nada. Meditar tem me ajudado muito”, orientou Patricia.

“Autoconhecimento é tudo na minha vida, é essencial para quem ser uma versão melhor de si mesmo”, prosseguiu a empreendedora, para quem “sucesso não tem nada a ver com dinheiro, e sim com ser feliz”.

Outras dicas valiosas que ela deu para quem quer se aproximar de pessoas poderosas (ou que você admira e que podem ajudar seu negócio a crescer), foram:

1 – Seja uma pessoa que soma, agrega e que pensa em ajudar, não em vender seu projeto. Todo mundo sente a energia;

2 – Ouça mais e fale menos. Senão você perde oportunidades.

“Tem uma frase do Mahatma Gandhi que eu gosto muito que é: ‘Seja a mudança que você quer ver no mundo’. Então, a mudança tem que começar a partir de você. Ajude alguém que está do seu lado, compartilhe um conteúdo… Pequenas coisas somadas fazem grandes mudanças.”

Este é um momento excelente para a gente mudar

Na visão de Patricia, alguns negócios vão quebrar, “mas não é para se desesperar”. O momento pede que a gente faça as coisas de um jeito diferente eu procure estudar para se atualizar. “Dói mudar, porque a gente prefere ficar na zona de conforto, mas esse é um momento excelente para a gente mudar. A mudança faz parte da evolução”, opinou.

Para ela, quem já trabalha com o digital sentirá um impacto menor. Mas a própria escritora, que gosta muito da relação “olho no olho” com as pessoas, está tendo de se adaptar neste momento.

“O digital está aí, eu gosto muito do Instagram, do zoom… Até para falar com a família, o negócio é criar outras maneiras de se conectar com a possoas, seja pelo WhatsApp, videoconferência… Tem várias ferramentas”, elencou. “Eu prefiro pessoalmente, mas essa é a hora de se conectar assim e está tudo certo.”

Cadastre-se e não perca nenhum conteúdo do Resilientes Summit

O Resilientes Summit segue com três lives diárias (às 10h, 15h e 20h), com especialistas de diferentes áreas, falando nesta semana sobre Home Office, Educação e Reinvenção do Negócio.

Para ter acesso a todas as aulas em pdf e também aos vídeos completos das discussões, clique aqui para se cadastrar no maior movimento ONLINE e GRATUITO para ajudar você a se reorganizar e fazer o Brasil crescer de dentro da sua casa.

Ao fazer isso, você poderá se cadastrar também no grupo exclusivo do Resilientes Summit no Telegram. Lá, além de receber todas as informações sobre este movimento, você será presenteado com o best seller de Bruno Pinheiro Empreenda Sem Fronteiras, no formato pdf.

E comece a usar a hashtag #EuFaçoOBrasilCrescer, porque você é a única pessoa capaz de fazer isso. E junte-se ao movimento da Be Academy pela capacitação de pessoas para atuar em 40 profissões da Nova Economia, em um portal com cursos dados por líderes da Nova Economia, a R$ 60 mensais.

Não pare por ai!
Veja mais